A fidelização é uma técnica que deve ser aplicada a qualquer tipo de empresa, inclusive nas instituições de ensino. Fidelizar um aluno significa mantê-lo na escola pelo maior tempo possível considerando as possibilidades de ensino que a própria instituição oferece.

Além disso, um aluno fidelizado pode ser um excelente divulgador e conquistar outros clientes para a escola. Portanto, a fidelização pode ser usada, indiretamente, como um recurso de marketing.

A seguir, mostramos 5 estratégias para fidelizar alunos e melhorar os resultados da escola!

1. Estreite o relacionamento com os alunos

É importante manter um relacionamento duradouro com os estudantes e responsáveis. Ensinar é uma arte, e é interessante que os professores fiquem marcados na memória dos alunos ao longo dos tempos. Isso é positivo para os profissionais e também é uma forma de cativar e manter os discentes na escola.

No caso de crianças, a decisão sobre sua permanência ou não na instituição depende mais dos pais, mas a opinião do filho é muito importante. Ele deve se sentir bem com os professores, colegas e os outros funcionários da empresa, para que se sinta motivado a estudar lá.

É fundamental um ambiente amigável dentro e fora da escola, para que todos se sintam familiarizados com a instituição, e as crianças sintam o ambiente escolar como um prolongamento do lar.

2. Ofereça canais de atendimento eficientes

Outra forma de fidelizar alunos é oferecendo canais de atendimento eficientes. Hoje, as mídias digitais são muito importantes para conquistar clientes e estreitar relacionamentos. 

Elas podem servir de canal de atendimento, pois muitas empresas já fazem isso. Pode-se, por exemplo, criar uma página para a escola no Facebook. Outra sugestão é criar um grupo no WhatsApp para otimizar a relação entre a escola e os alunos/pais.

É fundamental que exista, pelo menos, um número telefônico para que o cliente possa entrar em contato com a empresa e vice-versa. Uma instituição de ensino deve ter um número fixo para prestar pronto atendimento. O atendimento pelo Whatsapp é também um diferencial.

A criação de um site/blog com opção para enviar e-mails ou contatar via chat também é uma boa solução.

3. Melhore a qualidade dos cursos ofertados 

Se os cursos ofertados em sua escola já são bons, faça com que se tornem melhores. Muitas grandes escolas começaram oferecendo cursos de informática, por exemplo. À medida que cresciam, foram incorporando novos cursos e aumentando a quantidade de clientes e negócios.

Os professores e tutores precisam se adaptar às novas demandas dos estudantes e deixar as aulas mais interativas, facilitando o acesso aos conhecimentos e inovações tecnológicas.

Ter uma biblioteca e, pelo menos, um laboratório de informática dá suporte aos cursos. Afinal de contas, é preciso que os alunos tenham um local, dentro da própria instituição, para fazer pesquisas e estudar.

4. Invista na divulgação da escola

Redes sociais como Facebook, WhastsApp, LinkedIn, Instagram e Twitter são importantes canais de divulgação. Também é fundamental conectar-se por meio de blogs com conteúdos focados na educação. Isso mostra o comprometimento que a escola tem com as atividades que efetua. O e-mail marketing é outra ferramenta que pode ser usada para enviar notícias ou artigos.

Quando o usuário acessa o blog e assina a newsletter, passa a receber conteúdo diretamente no e-mail e já se fortalece a relação entre a escola e o cliente. Cada assinatura de newsletter representa um usuário (ou prospect) que caminha para o status de lead e potencial cliente. 

Se já for um cliente, a assinatura da newsletter pode representar um interesse maior em se manter relacionando-se com a instituição, ou seja, pode contribuir também para fidelizar alunos.

Os canais tradicionais também não devem ser esquecidos, como a divulgação em carros de som, na rádio ou em canais de televisão, no jornal, por meio de panfletos, cartões personalizados, banners etc., sem falar na divulgação boca a boca, que, sendo informal e mais espontânea, costuma gerar ótimos resultados.

Os canais digitais são eficientes e, geralmente, custam menos, ou seja, uma campanha de marketing digital pode oferecer resultados muito bons a custos bem menores que uma campanha de marketing convencional.

O telemarketing também é uma boa solução de divulgação. Porém, precisa ser usado com cautela para não incomodar os clientes. Muitas pessoas reclamam das chamadas de telemarketing em horários inconvenientes ou muitas vezes durante o dia.

5. Aplique estratégias de macrocaptação para fidelizar alunos

O método de macrocaptação consiste em um plano de divulgação que consegue alcançar a maior quantidade possível de pessoas com ações bem planejadas. Seu custo-benefício costuma ser vantajoso para as instituições de ensino.

Sua proposta é ser impactante e pode trazer a atenção do público-alvo de maneira praticamente imediata. Por isso, é um expediente muito importante para aumentar rapidamente o número de matrículas na instituição de ensino.

A propaganda terceirizada também é uma boa forma de captação para fidelizar alunos. O diretor pode contratar profissionais para dar palestras nas escolas, desenvolver ações de abordagem e entregar panfletos em shopping centers, supermercados e outros locais de grande movimentação, por exemplo.

Os profissionais terceirizados também podem falar internamente com os alunos para que se interessem pelos cursos ofertados, levem o material impresso para suas casas e o mostrem aos pais. 

Com uma oferta de descontos, fixam-se cartazes, e determinadas instituições investem em teste vocacional ou realizam sorteios de bolsas parciais de estudos ou oferecem essas bolsas aos melhores alunos.

Apesar dos bons resultados, a macrocaptação offline não é tão eficaz quanto a macrocaptação online. Essa última permite a mensuração dos resultados, o que não acontece no primeiro caso.

Calculando o Retorno sobre o Investimento (ROI), pode-se analisar se o investimento realmente valeu a pena, se a ação tomada foi a melhor, se o público pode ser aumentado, se a quantidade de alunos matriculados cresceu e outros pontos.

As agências de marketing digital desenvolvem campanhas de macrocaptação online, personalizando o público, monitorando seu desenvolvimento e mensurando todos os resultados. O uso adequado das ferramentas online permite atingir pessoas das mais diferentes idades e interesses. A gestão de cada etapa do funil de vendas ajuda a fazer correções e aprimorar o que pode ser melhorado.

O ideal é:

  • criar conteúdos atrativos nas redes sociais da escola;
  • enviar materiais de boa qualidade por meio de e-mail marketing e inbound marketing;
  • atingir uma melhor posição no Google por meio de links patrocinados;
  • anunciar no Facebook Ads e Instagram Ads;
  • aproveitar as redes sociais para compartilhar depoimentos e fotos de alunos e ex-alunos, desde que eles autorizem.

As estratégias de macrocaptação devem ocorrer durante o ano todo para que os resutados se mantenham elevados.

Finalmente, para fidelizar alunos, é importante aplicar essas estratégias, mas, ainda, analisar o que dizem os próprios alunos, ou seja, avaliar seus feedbacks. A opinião deles pode indicar caminhos e corrigir falhas que ainda não tinham sido notadas.

O que você achou do texto? Gostaria de continuar recebendo conteúdo diversificado sobre educação? Aproveite para assinar a newsletter!