O mercado educacional no Brasil tem se tornado cada vez mais competitivo e acirrado para as diversas instituições de ensino, o que as faz ter que investir mais em marketing educacional e usar estratégias para aumentar matrículas, além de manter os alunos já matriculados.

Hoje não basta ter uma boa qualidade de ensino, é preciso ir além do boca a boca e indicação. Conhecer as diversas técnicas que podem tornar sua escola mais reconhecida pelo público é mais que um diferencial, é uma necessidade. Com o aumento do número de cursos de idiomas, escolas profissionalizantes e ensino regular privado, destacar-se é um imperativo.

Para tanto, é essencial essas escolas se reconhecerem, em primeiro lugar, como empresas, para assim entenderem a necessidade de divulgar a própria marca e trabalhar o serviço que oferecem como um produto de qualidade que precisa ser divulgado e conhecido pelo público.

Descubra, na continuação do nosso post, as vantagens de investir em marketing educacional e as principais estratégias para aumentar suas matrículas!

Vantagens do marketing educacional

O objetivo de todo o marketing é conseguir aumentar o número de conversões do produto ou serviço. No caso do marketing educacional, a especificidade é a captação de alunos, que pode ser realizada por diversas técnicas. Sendo assim, o marketing educacional oferece para as instituições de educação um trabalho especializado, que leva em consideração o nicho de mercado, a concorrência, modalidade de ensino, etc.

Alcance de público

Um dos benefícios do marketing educacional é conseguir alcançar o público que procura pela modalidade de educação da escola: ensino regular, cursos livres, de idiomas ou profissionalizantes. As estratégias utilizadas permitem que se alcance o público adequado.

Para tanto, as escolas usam de pesquisas demográficas, perfis de consumidor e mapeamento da concorrência para identificar as melhores formas de atingir esse público e, assim, conseguir captar o maior número de alunos.

Consolidação da marca

Uma das grandes vantagens de uma campanha de marketing educacional bem estruturada é a valorização e consolidação da marca da instituição de ensino perante o mercado. Isso dá autoridade e possibilita atrair e manter alunos com maior facilidade, além de construir confiança e uma boa relação da escola com seus estudantes e comunidade.

A consolidação da marca tem um excelente efeito em médio e longo prazo na conversão em matrículas. Além disso, ajuda a garantir um melhor destaque no mercado, o que influencia diretamente na precificação, por exemplo.

Aumento das matrículas

Enfim, a principal meta do marketing educacional é alcançar a conversão em matrículas. Isso pode ocorrer tanto com novos alunos quanto com a rematrícula dos estudantes que já frequentam a instituição.

Logo, o papel do marketing educacional e das estratégias de captação é conseguir trazer novos alunos para a escola, aumentar o número de matrículas e conseguir retorno sobre o investimento ao divulgar a marca e fazê-la conhecida.

Estratégias para aumentar matrículas

São várias as técnicas que podem ser empregadas pelo marketing educacional para garantir o aumento da conversão em matrículas. São formas de atrair o público-alvo ou de guiá-lo pelo funil de vendas.

Participar de feiras de educação

Uma das possíveis estratégias para aumentar o número de matrículas, especialmente em macro captação de alunos, é participar de feiras de educação. Esses ambientes já oferecem um público qualificado e interessado que pode ser convertido. Para tanto, o estande deve ser atrativo, fornecer informações relevantes e demonstrar o diferencial estratégico da instituição.

Promover ofertas de bolsas e descontos

Uma boa forma de divulgação para as instituições de ensino é ofertar promoções, descontos na matrícula, bolsas de estudo e outros atrativos que interessem a quem deseja fazer algum curso. Esse tipo de prática pode tanto atrair novos alunos como ser uma forma final de conversão para aqueles que já estão interessados e conhecem a escola.

Usar mídia paga nas redes sociais

O poder da internet é inegável. O uso dela para o marketing educacional tem muitas aplicações, desde o alcance orgânico até o uso de mídia paga nas redes sociais para a divulgação da escola. No entanto, essa utilização precisa ser feita dentro de uma campanha de marketing adequada e que considere o perfil dos alunos a serem alcançados.

Trabalhar o endomarketing educacional

Para além de atrair novos alunos, é igualmente importante se preocupar com as estratégias para aumentar o número de matrículas entre os alunos que já fazem parte da escola, ou seja, focar no endomarketing educacional. Em geral, o investimento necessário para esse retorno costuma ser ainda menor que o de atrair novos estudantes.

Criar senso de comunidade na escola

Uma excelente estratégia é criar um senso de comunidade em volta da marca escolar, ou seja, de pertencimento à instituição. Isso fortalece a escola e pode, inclusive, mostrar que a empresa escolar é consolidada e forte no seu nicho.

Fomentar o diferencial da instituição

Quando a instituição de ensino tem um diferencial, utilizá-lo para atrair alunos é excelente ideia. O uso do aluno destaque, por exemplo, pode ser uma boa técnica de divulgação das escolas. Além disso, apostar em instalações de ponta, uso de inovações tecnológicas e qualificação técnica dos professores são também maneiras de fomentar o diferencial da escola.

Como vimos, as estratégias para aumentar matrículas são muito variadas. Escolas que não reconhecem o valor de investir no marketing educacional, em meio ao competitivo mercado que enfrentam, estarão em uma grande desvantagem perante a concorrência.

Descubra como o marketing educacional e a macro captação de alunos podem auxiliar sua escola rumo ao crescimento e destaque. Entre em contato conosco e veja as possibilidades disponíveis para alcançar ainda mais matrículas!