Você sabe quais são as boas práticas para melhorar o planejamento escolar? Embora muitos gestores desejem planejar as ações a serem executadas pela escola no decorrer do ano, vários não sabem o que deve ser feito para conseguir bons resultados.

Por isso, neste texto, você entenderá qual é a importância do planejamento escolar, bem como os principais erros que devem ser evitados durante o planejamento.

Quer obter melhores resultados? Então, descubra como um bom projeto pode ser útil. Boa leitura!

Importância do planejamento escolar

Há gestores que não realizam um planejamento escolar formal. Dessa forma, a escola é administrada apenas de acordo com os pensamentos que estão na mente deles. Com isso, é possível que o que foi imaginado não aconteça na prática, fazendo com que a escola perca recursos financeiros importantes.

Além disso, com um planejamento escolar deficiente ou inexistente, torna-se mais difícil conseguir uma boa imagem no mercado, bem como definir os melhores métodos de ensino para que os alunos aprendam da melhor forma.

Quer fazer seu planejamento? Então, confira nossas dicas!

Melhores práticas

Veja agora quais são as melhores práticas para melhorar o planejamento escolar!

1. Avaliar a atual situação da escola

A primeira forma de fazer um bom planejamento escolar é avaliar a situação da escola de forma completa. Não é possível projetar o futuro quando não se sabe como é o presente. Ou seja, será a partir da atual situação da escola que os próximos passos serão estudados, planejados e cumpridos.

Procure entender quais são as principais vantagens da instituição frente à concorrência, bem como os maiores problemas ou dificuldades que minam o crescimento da instituição.

Quando a etapa de avaliação é esquecida, o planejamento pode conter metas que estejam aquém ou além do que a instituição poderia alcançar naquele momento.

2. Estabelecer metas alcançáveis

Depois de entender qual é a condição da escola, chegou o momento de entender os objetivos que devem ser cumpridos pela instituição. Quais são as metas para o próximo ano? Ao responder a essa pergunta, porém, lembre-se de que as metas estabelecidas devem ser possíveis de serem alcançadas.

Para uma pequena escola de línguas, por exemplo, conseguir ser a maior da cidade em apenas um ano é uma tarefa muito difícil. Ou seja, tente alcançar passo a passo o objetivo maior, fazendo metas menores e alcançáveis para a instituição, como contar com uma agência de marketing educacional.

Quando isso não acontece, a equipe fica frustrada e pode desanimar. Assim, cumprir os objetivos ficará mais complicado. Como consequência, por vezes, os gestores podem desistir de elaborar metas e tentar administrar a escola um dia de cada vez.

3. Elaborar um cronograma de atividades

Ainda que as metas possam ser alcançadas pela escola, é necessário construir um cronograma de atividades a serem executadas. É com ele que será possível avaliar se a instituição está cumprindo as metas ou se está tendo alguma dificuldade para conseguir os resultados esperados. Dessa maneira, é possível fazer mudanças para colocar a escola de novo no caminho esperado.

Quando isso não ocorre, a instituição poderá notar apenas no final do prazo estipulado que não está conseguindo atingir as metas. Além disso, os colaboradores não terão datas para entregar o que lhes foi designado, dificultando a realização das tarefas, além de diminuir a sinergia entre eles.

4. Definir os métodos de ensino

Embora cada professor tenha suas formas próprias para ensinar aos alunos, eles representam a escola. Isso significa que os erros e acertos influenciarão a imagem da instituição como um todo. Por isso, a dinâmica das aulas e os métodos de ensino devem ser definidos pela equipe, para que exista um mínimo de padronização.

Assim, a escola escolherá quais são as melhores formas para que os alunos consigam aprender e atingir os objetivos. Mais do que isso, alunos de turmas diferentes poderão ter experiências parecidas com a instituição, uma vez que a forma de passar o conteúdo será parecida.

Com isso, é mais fácil construir a imagem desejada da empresa e fazer mudanças, quando necessárias.

Erros a serem evitados

Agora que você sabe quais são as melhores medidas para executar seu planejamento, veja quais são os erros mais comuns!

Não usar tecnologia na gestão

Quando uma escola deixa a tecnologia de lado para fazer a gestão do negócio, ela terá mais dificuldades para crescer no mercado. Isso acontece pelas diversas ferramentas existentes que auxiliam a instituição a administrar melhor seus processos, garantindo que eles serão feitos da melhor forma possível.

Com a tecnologia, é possível gerar relatórios, acompanhar alunos, conseguir captar mais estudantes, fazer cobranças e muito mais. Tudo isso de forma otimizada, para que os colaboradores tenham acesso a informações completas, gerando menos erros e aumentando a eficiência.

Quando isso não é efetuado, a escola terá mais dificuldades para atingir os objetivos traçados, bem como conseguir administrar os recursos financeiros.

Não acompanhar nem fazer revisões no planejamento anual

Depois de fazer o planejamento anual, o trabalho não estará finalizado. Ao contrário, é necessário acompanhar todas as ações. Assim, será possível fazer revisões importantes no planejamento, para que seja possível atingir as metas da melhor forma possível.

Há gestores que são temerosos em fazer modificações. Entretanto, um planejamento não deve ser entendido como uma peça pronta. Ele é um guia que deve ser modificado de acordo com as mudanças internas ou externas ao longo do ano.

Não solicitar feedback da equipe

Como o planejamento influencia todos os colaboradores da instituição, eles devem ser consultados para que opinem sobre as metas estabelecidas, bem como sobre as ações que serão executadas. Assim, a chance de ter um ambiente escolar favorável é grande. Caso contrário, os profissionais poderão não concordar com elas, o que diminuirá a eficácia das ações.

Por isso, é interessante que cada medida tenha uma justificativa plausível e baseada em dados e informações disponíveis no mercado. Assim, cada colaborador terá o entendimento de que as medidas são essenciais para que o trabalho seja realizado da melhor maneira possível, tanto para colaboradores (que estarão mais motivados) quanto para a instituição.

Para conseguir atingir as metas estabelecidas, é fundamental que o planejamento escolar seja revisado durante todo o ano letivo. É dessa forma que você conseguirá propor melhorias e auxiliar todos os colaboradores a atingir as metas propostas.

Quer receber mais dicas como estas? Então, siga-nos nas redes sociais. Estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn.